idoso com resultados práticos da atividade física regular.

Caso real: veja os resultados práticos dos exercícios físicos.

em Exercícios Físicos por

Relatar os resultados práticos da atividade física é sempre muito enriquecedor. Neste artigo descrevo o aluno Mário, praticante de musculação e corrida personalizada desde 2010.

Mário não tinha um histórico muito ativo em relação às atividades físicas. Já tentou seguir métodos de treinamento de musculação para treinar sozinho, mas sentiu que podia se lesionar. Também relatou na anamnese (conversa inicial com o personal trainer) ter praticado corrida e caminhada de forma autoprescrita.

Há 7 anos atrás, chegou a nós por indicação de outro aluno, colega do instituto em que lecionava Física. Também estavam relatadas em sua anamnese dores nos pulsos e artrose de coluna cervical e lombar, que lhe causavam mais outras dores.

Professor Mário, inicialmente, chamou atenção pela dedicação e assiduidade nos treinos. Aos poucos, trabalhamos adaptações aos exercícios iniciando com carga leve. Focamos no fortalecimento de tronco e punhos. Em semanas já notávamos os primeiros resultados práticos: mudanças na postura e segurança na execução de exercícios.

Conseguimos realizar flexões de braço sem apoiar os joelhos. Todos os tipos de barra fixa, que começaram com 5 segundos isométricos Foram evoluindo para 10 segundos, 2 a 4 execuções, com ajuda do instrutor nos primeiros treinos. Hoje, os resultado práticos são fazer 10 repetições de forma independente, isto é, sem ajuda.

Outro avanço, que é um dos resultados práticos do programa, foi na prática da corrida feita após os treinos de musculação. Iniciamos o processo alternando caminhadas com trotes leves e evoluímos para treinos em que não se caminhava mais. Apenas corríamos com dinâmicas como: progressões e alternância de velocidade, tiros de 1 minuto e 30 segundos em intensidade máxima.

A corrida nessa alta intensidade o preocupava, já que era medicado para controle da pressão arterial. Porém, com um trabalho de base adequado, as intensidades altas não eram risco para sua saúde cardíaca. Mário chegou a marcar e 1 minuto e 23 segundos num tiro de 390 metros!

Com relação aos resultados antropométricos: em 2 meses, conseguiu perder gordura e ganhar massa muscular de forma significativa. Não restringe seu bom vinho diário e consome alimentos adequados para manter sua saúde. Sempre acompanhado de sua esposa Lúcia, também aluna, viajam todo ano para visitar seus netos na Alemanha. No inverno de lá, não larga o seu elástico e mantém sua rotina de treinos.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*