Categoria

Demências e Alzheimer

Repetição como Sintoma da Doença de Alzheimer

em Demências e Alzheimer por
terceira idade e repetição

A repetição de alguma fala ou de alguma ação é uma das alterações de comportamento comuns entre as pessoas que sofrem da doença de Alzheimer (DA). Alterações no comportamento de pessoas que sofrem de alguma doença demencial podem ocorrer por: próprias alterações fisiológicas no cérebro, em conseqüência de medicamentos, ou ainda por mudanças no ambiente ou na saúde. No caso de portadores de DA, as alterações de comportamento estão mais associadas à deterioração cerebral provocada pela doença. Sabe-se que a doença afeta principalmente as funções cognitivas, como memória e praxia. A repetição é um comportamento associado à perda da memória.…

Leia mais

Cuidados na Fase Avançada da Doença de Alzheimer

em Demências e Alzheimer por
fase avançada da da na terceira idade

A fase avançada da Doença de Alzheimer (DA) é um momento muito difícil para os familiares mais próximos. Tanto por suas características quanto às necessidades de cuidados. Pode durar de alguns meses a muitos anos. É tão heterogênea que inspirou a criação de uma escala com vários sub-níveis de avaliação. Portanto, é natural que os cuidados com o paciente na fase avançada da doença também sejam progressivos e intensificados integralmente. Conforme a doença evolui, o portador vai perdendo cada vez mais capacidades cognitivas. Desta maneira, progressivamente, a pessoa vai ficando cada vez mais dependente de outras para continuar vivendo. Em…

Leia mais

BPSD: Sintomas Psicológicos Comportamentais nas Demências.

em Demências e Alzheimer por
terceira idade com BPSD

Em 1996, na Conferência Internacional sobre Consenso dos Distúrbios do Comportamento na Demência, foi criado o termo BPSD. Os Sintomas Psicológicos e de Comportamento nas Demências (BPSD – Behavioural and Psychological Symptoms of Dementia), foi criado para se referir a um grupo heterogêneo de reações psicológicas, psiquiátricas e comportamentais anômalas que surgem em pacientes com demência. Estima-se que 60% a 80% dos pacientes com demência apresentem BPSD. As BPSDs podem ser agrupadas em três síndromes distintas: Síndrome Psicótica: delírios e alucinações. Síndrome Emocional: agitação, irritabilidade, depressão e ansiedade. Síndrome Comportamental: euforia, desinibição, apatia e comportamento motor aberrante. Atualmente, a Doença…

Leia mais

Pesquisa sobre Alzheimer: Estudo sobre a Proteína Tau

em Demências e Alzheimer por
estudo sobre alzheimer precoce.

Estudo pioneiro na região de Medellín, na Colômbia, traz novos rumos às pesquisas de medicamentos para a Doença de Alzheimer (DA). Segundo a revista Nature, jornal internacional de ciências, o estudo está em curso nesta região por causa da prevalência de casos precoces de Alzheimer. Cientistas têm acompanhado, há mais de 30 anos, uma mutação genética responsável pelo desenvolvimento de Alzheimer precoce. Esta mutação é muito comum na região de Antioquia, na Colômbia. Está relacionada ao início precoce do Alzheimer, entre 40 e 50 anos de idade. Os cientistas da Universidade de Antioquia em Medellín, ainda este ano, devem começar…

Leia mais

O Primeiro Caso Estudado de Doença de Alzheimer

em Demências e Alzheimer por
primeiro caso de alzheimer

August D, que sempre foi uma mulher saudável, educada e um pouco tímida, foi internada no Hospital Municipal de Lunáticos e Epilépticos de Frankfurt em 25 de novembro de 1901. Ela tinha 51 anos. Foi o primeiro caso estudado e definido da Doença de Alzheimer. Nunca antes esteve enferma. Aparentemente era feliz. Estava casada desde 1873 e era mãe de uma filha sadia. Nunca abortou. Seu marido contou que os problemas haviam começado 6 meses antes. Uma súbita e escandalosa crise de ciúmes. Sem nenhuma razão concreta, começou a afirmar que seu marido estava “tendo um caso” com a vizinha.…

Leia mais

Características da Fase Grave da Doença de Alzheimer

em Demências e Alzheimer por
terceira idade em fase avançada

A fase grave da Doença de Alzheimer é caracterizada pelo amplo comprometimento cognitivo. A memória é o aspecto cognitivo mais afetado na fase grave da DA. A última memória a ser perdida é a memória de procedimentos, ou memória automática. A memória de procedimentos é a responsável por habilidades executivas motoras, como andar de bicicleta, dançar, etc. Tenho uma paciente com Alzheimer que já não fala, mas se diverte em bailes para a terceira idade, dançando com seu marido. Outros domínios cognitivos são fortemente comprometidos na fase grave do Alzheimer. Um deles é a Praxia. Existem vários tipos de Apraxia,…

Leia mais

Como Tratar os Delírios e Melhorar a Qualidade de Vida na DA

em Demências e Alzheimer por
idoso com melhor qualidade de vida na DA

O paciente com doença de Alzheimer que apresenta psicose tem uma qualidade de vida na DA pior que aqueles que não apresentam psicose. Um dos motivos é que a psicose deixa estes pacientes frequentemente tensos, ansiosos, irritadiços e, muitas vezes, agressivos. Eles não têm consciência de que os fatos não estão acontecendo na realidade. Acreditam que estão sendo enganados por um farsário, roubados, traídos. Entenda quais são os delírios mais comuns em portadores de DA. Um caso típico, é o de interação com a TV. Acreditam que as pessoas da TV estão realmente presentes e tentam conversar com ela. Pode acontecer…

Leia mais

Como Reagir a Episódios de Alucinações ou Delírios

em Demências e Alzheimer/Sem categoria por
Alucinções ou delírios em idosos com DA

Alucinações ou delírios, junto com os outros sintomas das demências, tem apresentando uma frequência significativa. Isso tem despertado a atenção dos profissionais da saúde (além dos médicos) no cuidado com essas pessoas, seus familiares e cuidadores. É difícil para alguém que cuida de um paciente com Doença de Alzheimer ver episódios de alucinações ou delírios. Esses sintomas devem ser controlados com o uso de medicamentos específicos. Porém, familiares ou cuidadores não podem impedir que estes sintomas ocorram. Mas a forma como reagem ao sintoma pode ajudar a evitar reações que agravam a situação, como agressividade, agitação e explosões violentas. Primeiramente…

Leia mais

Delírios em Portadores da Doença de Alzheimer.

em Demências e Alzheimer por
idoso com Alzheimer e delírios

A primeira paciente do Dr. Alois Alzheimer apresentou delírios de ciúmes como um dos sintomas iniciais da doença. Foi internada e acompanhada pelo Dr Alzheimer até seu falecimento. Na evolução de sua doença, apresentou sintomas clássicos de demência. Os delírios podem ser divididos em paranóides e de falso reconhecimento. O delírio paranóide de roubo é o mais prevalente entre os portadores de DA. Os delírios paranóides, em oposição aos delírios de falso reconhecimento, ocorrem em estágios mais iniciais. Num momento em que ainda não há declínio cognitivo significativo. Mas, os pacientes que desenvolvem este tipo de psicose parecem apresentar um…

Leia mais

Ansiedade e Agitação: sintomas comuns em portadores de DA.

em Demências e Alzheimer por
idoso com ansiedade e agitação

Ansiedade e Agitação são sintomas comuns em portadores de Alzheimer e outros tipos de demência. Normalmente, ansiedade e agitação podem ser causadas por interações medicamentosas, condições de saúde diversas (dor, por exemplo) ou por qualquer situação que piore a capacidade de pensar do portador de DA. Uma das conseqüências diretas da Doença de Alzheimer é o comprometimento da capacidade de absorver e entender novas informações ou estímulos. Assim, algumas situações tendem a causar mais agitação. Algumas delas são: Mudar de casa – sair da casa que viveu muitos anos para viver na casa de algum filho, parente ou mesmo numa…

Leia mais

1 2 3 6
© Copyright 2017 - Idosos.com.br - Portal de notícias para pessoas acima de 60 anos.
Ir para Topo