terceira idade comendo gordura

Gordura é Importante na Dieta dos Idosos

em Nutrição por

A Gordura é um macronutriente importante em nossa vida. Assim como as proteínas e os carboidratos, devemos ingerir gorduras diariamente. As gorduras são moléculas complexas, compostas por ácidos graxos.

As principais funções das Gorduras em nosso corpo são:

  • Armazenar energia: é o combustível mais energético para as células, fornecendo 9 calorias por grama.
  • Carboidratos que não são utilizados após a ingestão, são transformados em gordura pelo nosso corpo. O tecido adiposo (que armazena a gordura) nos protege contra choques mecânicos e ajuda no isolamento térmico do corpo.
  • Transportam e são responsáveis pela absorção das vitaminas lipossolúveis (A, D, E e K).

Existem 2 tipos de gordura presentes em nossa alimentação: saturadas e insaturadas. As gorduras saturadas são aquelas que devem ter ingestão controlada pois colaboram para o aumento do nível do LDL (colesterol ruim) em nosso sangue. Estão presentes na manteiga, carne vermelha, queijos, óleo de coco, etc. A gordura insaturada (presente em peixes, abacate, azeite de oliva, etc) ajuda a aumentar as quantidades de HDL (colesterol bom) em nosso organismo.

Sendo assim, recomenda-se que idosos de todas as idades consumam duas porções de peixe por semana. Atenção para que uma delas seja um peixe oleoso (salmão, truta, arenque, etc). Os peixes oleosos contêm ácidos graxos ômega-3 de cadeia longa. Assim, podem ajudar a proteger contra doenças cardíacas e têm se mostrado particularmente importantes para aqueles que já tiveram um ataque cardíaco. Em pessoas idosas, os ácidos graxos ômega-3 também podem ajudar a aliviar alguns dos sintomas da artrite reumatóide. Já que possuem efeitos benéficos sobre as articulações inchadas e sensíveis, força de pressão e mobilidade. Existem algumas evidências de que esses ácidos graxos também podem ajudar a preservar a saúde ocular, prevenir o declínio cognitivo e melhorar a função imunológica.

Mas como peixes oleosos podem conter contaminantes (substâncias prejudiciais à saúde), não é aconselhável comer mais de 4 porções por semana (uma porção é 140g).

Além disso, sabemos que a capacidade de digerir, absorver, metabolizar e excretar nutrientes muda com a idade. Por exemplo, a absorção de vitamina B12 é diminuída com a idade. Por isso, as pessoas idosas devem comer uma dieta variada contendo muitas frutas e vegetais e incluir alguns alimentos fortificados. Pãointegral, bem como cereais matinais “fortificados” com vitaminas e minerais, como ferro, vitaminas do complexo B e cálcio são bem vindos.

Mas lembre-se: as quantidades são importantes. O tamanho das porções nunca deve ser muito grande.

 

Fonte: British Nutrition Foundation

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

© Copyright 2017 - Idosos.com.br - Portal de notícias para pessoas acima de 60 anos.
Ir para Topo