idoso deve fazer fisioterapia como tratamento de incontinência

Incontinência Urinária: Fisioterapia é parte do tratamento.

em Fisioterapia por

Entre as queixas mais comuns da população idosa, a incontinência urinária merece atenção. Tem a alta prevalência e produz um significativo impacto negativo na qualidade de vida das pessoas acometidas por essa disfunção.

A incontinência urinária, por definição, é a perda involuntária de urina.

Sua prevalência é maior em pessoas do sexo feminino devido a questões anatômicas, gestações e partos. No entanto, não é incomum que homens sejam acometidos. Principalmente quando idosos e/ou sofrem hiperplasia prostática, homens também podem ter incontinência urinária.

Dentre as diversas causas, a mais comum entre os idosos é a fraqueza da musculatura do assoalho pélvico. Mas também podemos citar outras: alterações neurológicas, obesidade, tumores que comprimem a bexiga etc.

Demências, como a Doença de Alzheimer, também podem causar incontinência. Neste caso, as causas devem ser investigadas pois o tratamento pode ser diferente.

É importante, portanto, ativar e fortalecer adequadamente os músculos do assoalho pélvico durante o tratamento da incontinência. Pois são essas estruturas musculares que dão sustentação aos órgãos pélvicos e produzem a contração da uretra para evitar a perda urinária. Esse tratamento é realizado através de Fisioterapia especializada. Pode fazer parte de um programa de tratamento conservador ou pré/pós-cirúrgico. No entanto, outros fatores devem ser levados em conta quando trata-se de incontinência urinária em idosos: uso de diuréticos, ingestão hídrica, doenças neurológicas degenerativas, situações de demência e delírio, problemas de locomoção – é preciso estar atento tentar contorná-los, afim de complementar o tratamento e promover resultados satisfatórios.

O tratamento do problema deve ser multi-profissional. Um médico deve ser procurado para investigar as causas do problema. Em se concluindo que é apenas uma conseqüência do envelhecimento e que se trata de um idoso cognitivamente saudável, isto é, lúcido, a Fisioterapia é parte do tratamento que pode usar também medicamentos. Há pouco tempo, foi desenvolvida uma técnica usando laser vaginal como parte do tratamento de incontinência urinária em mulheres. Mas esta última alternativa ainda é cara e pouco divulgada.

O uso de fraldas é necessário apenas em casos extremos. Na grande maioria dos casos, o tratamento é efetivo e o problema é resolvido.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

© Copyright 2016 - Idosos.com.br - Portal de notícias para pessoas acima de 60 anos.
Ir para Topo