idoso pode praticar corrida

Idosos também podem praticar Atletismo (Corrida)

em Exercícios Físicos por

A Corrida é uma atividade física capaz de promover incrementos na capacidade funcional, saúde e integração social entre indivíduos idosos.

Entretanto, são escassos os relatos sobre o efeito da corrida sobre o desempenho físico de idosos.

O envelhecimento é um processo natural que pode ocorrer de maneira saudável, e com menores perdas, se algumas alterações no estilo de vida forem introduzidas.

Dentre os hábitos a serem adquiridos, a participação em atividade física regular desempenha importante papel. Já está estabelecido que a maior parte dos efeitos negativos atribuídos ao envelhecimento deve-se, na verdade, ao sedentarismo. A falta de atividade fisica leva ao desuso das funções fisiológicas por imobilidade e má adaptação. Estas alterações não são devidas ao avançar dos anos, nem estão 100% relacionadas ao desenvolvimento das doenças crônicas prevalentes nesta população.

A fraqueza muscular pode diminuir a capacidade para realizar as atividades da vida diária, levando o idoso à dependência. Além disso, conforme se perde força aumenta-se o risco de traumas em conseqüência das quedas. Estudos a respeito dos efeitos do atletismo apontam esta modalidade de exercício como capaz de incrementar ganhos de condicionamento físico entre os praticantes idosos. O Atletismo ajuda inclusive na prevenção de quedas, melhorando a qualidade de vida e sistema imune. Dentre os benefícios psicológicos decorrentes da prática de corrida e outras atividades do atletismo foram relatados aumento da sensação de bem-estar, diminuição da ansiedade e socialização.

Conheça um caso real de uma pessoa que possui qualidade de vida superior atribuída aos exercícios físicos regulares.

Sugestão:

Por ser um exercício extremamente dinâmico, a corrida vem sendo praticada para a promoção da saúde. Também é usada para desenvolver disciplina por muitas pessoas ao redor do mundo. Cada vez mais as atividades físicas mostram que podem aumentar a espectativa de vida e trazer mais saúde em seu cotidiano. Ou seja, é grande aliada à qualidade de vida. Lembrando sempre de respeitar os limites e condicionamento do corpo, em qualquer idade. Porém, se você é sedentário, procure um profissional da Educação Física antes de começar a se exercitar. Principalmente para idosos, há riscos associados a começar a praticar exercícios físicos sem avaliação prévia e acompanhamento profissional no início da aquisição do hábito.

Veja como escolher a melhor música para se exercitar.

Texto de Daniel Martins Bavoso, bacharel em Educação Física pela ESEF com especialização em treinamento desportivo na UNIFESP e Biomecânica na UNINTER. É coordenador geral de ginástica laboral e Professor Titular da UNIP.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

© Copyright 2017 - Idosos.com.br - Portal de notícias para pessoas acima de 60 anos.
Ir para Topo