as lágrimas do Alzheimer

A Esperança nas Lágrimas da Doença de Alzheimer

em Sem categoria por

Estudo publicado esta semana traz uma nova possibilidade de diagnóstico precoce através das Lágrimas dos portadores de Alzheimer.

“Não existe uma maneira simples e barata de diagnosticar a Doença de Alzheimer.”

Esse é um dos principais problemas relacionados à pesquisa para encontrar a cura ou o controle desta doença segundo Bill Gates. Sim, Bill Gates, fundador da Microsoft e um dos homens mais ricos do mundo investe seu tempo e dinheiro para ajudar a encontrar a cura para a DA.

Atualmente, a Doença de Alzheimer é diagnosticada majoritariamente de maneira clínica. Ou seja, através de testes neuro-psicológicos e avaliação médica. A tomografia computadorizada ou preferencialmente a ressonância magnética são exames obrigatórios segundo a Academia Brasileira de Neurologia.

Mas, estes exames são mais importantes para descartar outras doenças do que para o diagnóstico propriamente dito da Doença de Alzheimer. Vale destacar que estes exames são capazes de mostrar alterações de imagem típicas de DA, como a atrofia de hipocampo.

Porém tais alterações surgem apenas na doença mais avançada. Por isso, estes exames sozinhos, não são suficientes para o diagnóstico da doença. Outros exames, alguns mais dolorosos e invasivos, também podem ser pedidos pelo médico. Mas sempre são pedidos para descartar outros possíveis diagnósticos. 

Além de tudo isso, os primeiros sintomas da doença muitas vezes são “confundidos” com alterações consideradas normais ao envelhecimento (um ponto cultural a ser mudado na sociedade – veja o que é considerado um envelhecimento saudável). Ou então, o medo do diagnóstico leva o paciente e suas famílias a adiarem a visita ao médico. Desta maneira, é muito difícil haver diagnósticos precoce da doença.

Mas, essa semana, foi publicado um estudo que pode melhorar este cenário. A revista Nature, importante veículo de publicações científicas, publicou um artigo sobre a possibilidade de diagnóstico diferencial para a Doença de Alzheimer através das Lágrimas.

Um estudo realizado por cientistas da Universidade Autônoma de Madrid em conjunto com a Universidade de Dublin mostrou que as proteínas e outras moléculas das lágrimas de pacientes com Alzheimer são diferentes das encontradas em não-portadores da doença.

Agora, o próximo passo é desenvolver uma solução comercialmente viável para poder aplicar um exame potencialmente barato e não invasivo para o diagnóstico definitivo da DA. Assim, haverá muito mais precisão no diagnóstico naqueles pacientes com suspeita clínica, mais precocemente. O que possibilita maior chance de manutenção da qualidade de vida do paciente e de sua família por mais tempo.

Referências:

Proteins and microRNAs are differentially expressed in tear fluid from patients with Alzheimer’s disease. Revista Nature, 28 de outubro de 2019.

Here’s a way you can help fight Alzheimer’s, Gates Notes – The Blog of Bill Gates.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

© Copyright 2017 - Idosos.com.br - Portal de notícias para pessoas acima de 60 anos.
Ir para Topo